Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Início | Clube | Rádio | Informação | Rally | Contatos
Estabilidade das instituições financeiras favorece crescimento económico dos Açores
INSERIDO EM 2018/05/16

O Vice-Presidente do Governo salientou, em Angra do Heroísmo, o contributo das instituições financeiras para o crescimento económico dos Açores, depois de ultrapassado um “tempo de turbulência” e de “incerteza”.

“Este momento que vivemos de estabilidade dá-nos perspetivas e confiança de reforço futuro do contributo, também das instituições financeiras, para o crescimento económico da Região, para a valorização das nossas empresas, para a efetiva criação de mais e melhor emprego”, afirmou Sérgio Ávila, que falava terça-feira na inauguração de um balcão do Santander Totta.

 

“Sei que este é o maior balcão do Santander, em termos de volume, da Região”, disse o titular da pasta das Finanças Regionais, manifestando o desejo de que “essa responsabilidade se possa multiplicar, cada vez mais, não só através daquela que é a atividade do banco, mas, particularmente, pelo ajustamento a novos desafios” que os instrumentos financeiros criados e desenvolvidos pelo Governo dos Açores proporcionam.

 

De acordo com Sérgio Ávila, a inauguração das novas instalações tem um “simplismo associado”, já que o investimento desenvolveu-se ao mesmo tempo que decorria, nesta instituição financeira, a “integração de diferentes instituições”, acrescentando que esse processo foi “conseguido com enorme estabilidade por parte da manutenção do funcionamento do banco”.

 

“Com a cultura que trazia do Santander, ampliado à cultura que existia, desde os idos tempos do Banco Micaelense, do Banco Comercial dos Açores e, depois, do BANIF, essa integração tem sido feita, nos Açores, de forma exemplar do ponto vista comercial e do ponto de vista do contributo para a dinâmica da nossa economia”, realçou o Vice-Presidente do Governo.

 

“Esta inauguração é exatamente o exemplo disso, de pessoas que vêm de várias famílias bancárias, que passaram por várias situações e que estão unidas nesta nova dinâmica e nestes novos tempos. Novos tempos, com novas instalações”, frisou.

 

No que diz respeito ainda ao processo de integração desenvolvido pelo Santander Totta, Sérgio Ávila disse que se, num primeiro momento, houve uma abordagem objetiva sobre “situações que estavam a correr menos bem”, reconheceu que atualmente o banco, com a sua nova dimensão nos Açores, “tem correspondido e tem sido um referencial de estabilidade”, contribuindo, assim, para o desenvolvimento da Região.

Fonte : Gacs
Música variada ... para retribuir a sua companhia    Asas do Atlântico   .... a sua rádio !
Playlist Asas

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Santamariaazores
© Clube Asas do Atlântico - 2015
Todos os direitos reservados

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player