Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Início | Clube | Rádio | Informação | Rally | Contatos
Governo dos Açores reforça investimento na integração dos jovens no mercado de trabalho
INSERIDO EM 2018/05/24

O Vice-Presidente do Governo anunciou, em Ponta Delgada, a abertura de 53 novos cursos de formação profissional, que representam um “reforço do investimento de 17,5 milhões de euros”, e destacou os resultados “muito satisfatórios” da empregabilidade dos jovens que frequentaram os programas Es

“Vamos abrir no próximo ano letivo 53 novos cursos, sendo 37 de formação profissional inicial e 16 no âmbito do Reativar”, adiantou Sérgio Ávila, acrescentando que o reforço do investimento de 17,5 milhões de euros na formação “permitirá a mais 1.060 Açorianos terem a possibilidade de qualificação no âmbito da formação profissional”.

 

Na cerimónia de entrega de medalhas aos formandos distinguidos no 43.º WorldSkills Portugal - Campeonato Nacional de Profissões, o titular da pasta do Emprego revelou que os novos cursos, que começam muito em breve, são maioritariamente “dirigidos ao setor do turismo, mas também aos setores da construção civil e da agricultura”, correspondendo às necessidades do mercado.

 

O Vice-Presidente realçou a qualidade dos jovens, o esforço dos professores, o desempenho das escolas e sublinhou “o contributo, investimento e a aposta forte” que o Governo dos Açores tem feito na formação profissional.

 

“Só nos últimos quatros anos investimos no ensino profissional 85 milhões de euros, o que permitiu a 8.303 jovens Açorianos poderem frequentar a formação profissional”, frisou Sérgio Ávila, garantindo, por outro lado, que o investimento do Governo vai para além da formação profissional.

 

“Neste momento, temos nos Açores 1.708 jovens a frequentar o Estagiar L e o Estagiar T”, disse.

 

Na sua intervenção, o Vice-Presidente salientou que o Governo dos Açores “canalizou muito dos seus recursos para assegurar aos jovens, após a sua formação profissional, a integração no mercado de trabalho”, considerando como “muito satisfatórios” os resultados da sua empregabilidade.

 

“No último ano, e após concluir o Estagiar L, 56 por cento dos jovens conseguiram emprego e, em relação ao Estagiar T, o resultado foi ainda um pouco melhor, sendo que 57 por cento dos jovens conseguiram trabalho após o Estagiar T, no espaço de seis meses”, revelou.

 

Relativamente ao PIIE - Programa de Incentivo à Inserção de Estagiários L e T, referiu que o Governo já apoiou a contratação, após a conclusão de estágios, de 1.803 jovens através deste programa, dos quais “80 por cento conseguiram manter o emprego após o ano de contratação apoiado, o que é um valor extremamente relevante”.

Fonte : Gacs
Música variada ... para retribuir a sua companhia    Asas do Atlântico   .... a sua rádio !
Playlist Asas

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Santamariaazores
© Clube Asas do Atlântico - 2015
Todos os direitos reservados

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player