Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Início | Clube | Rádio | Informação | Rally | Contatos
Os Verdes bastante preocupados com a possibilidade de lançamento de satélites a partir de Santa Maria
INSERIDO EM 2018/09/25

O Partido Ecologista Os Verdes demonstra grande preocupação face à abertura, esta segunda-feira, de um concurso internacional para instalação de um porto espacial para lançamento de satélites a partir da ilha de Santa Maria, nos Açores.

Este é mais uma etapa num processo que não tem sido suficientemente claro e que tem sido desenvolvido de costas voltadas para os marienses, sendo apresentado agora como um facto praticamente consumado. Esta estrutura, apesar da incerteza quanto aos benefícios económicos e sociais que trará, terá certamente impactes ambientais e sociais avultados que não estão minimamente acautelados.

 

Uma infraestrutura destas não pode ser equacionada sem o envolvimento aberto das populações abrangidas assim como das autoridades locais e das forças vivas da ilha, da região e do país. Uma infraestrutura destas não pode ser equacionada sem uma exaustiva e rigorosa avaliação dos impactes ambientais aos mais diversos níveis.

 

Os Verdes consideram muito preocupante que este projeto possa vir a ser desenvolvido e instalado na Malbusca, quando a própria freguesia de Santo Espírito apresenta vários e graves problemas de instabilidade dos solos, nomeadamente na zona da Maia, com recorrentes deslizamentos. É, ainda, preocupante, o facto da estrada que liga a Praia Formosa a Santo Espítiro, e que passa exatamente por Malbusca, se encontrar há vários anos intransitável devido às sucessivas derrocadas e abatimentos que tem sofrido. Para o PEV, é de lamentar que as obras de requalificação dessa via de ligação, ou mesmo de melhoria e manutenção da pista do aeroporto, pareçam estar condicionadas à aprovação do projeto.

 

O PEV contesta o facto de as populações não estarem a ser claramente envolvidas desde o início deste projeto e virem tomando consciência da sua dimensão principalmente através da comunicação social e numa lógica de facto consumado. Está a aliciar-se a população com investimentos médios na ordem dos 16 Milhões de euros para instalação de empresas privadas mas cujos impactes negativos não estão a ser acautelados.

 

Os Verdes manifestam grande preocupação com este projeto tendo esta questão sido debatida e analisada na última reunião do Conselho Nacional do Partido (órgão máximo entre convenções).

 

A Ilha de Santa Maria, com uma população de mais de 5 mil e quinhentos habitantes, necessita efetivamente de investimento e de atividade económica que produza riqueza e desenvolvimento social e bem-estar, e não de investimento que venha a pôr em causa uma ilha que é já de si um sistema frágil e vulnerável. Santa Maria possui características únicas do ponto de vista da sua própria formação geológica e da biodiversidade nomeadamente da avifauna que poderá estar em risco com esta intervenção. Possui, ainda, atualmente, uma profunda atividade turística em diversas vertentes com alto valor acrescentado para a economia insular.

 

Por todas estas questões e por todas as dúvidas que levanta, Os Verdes exigem transparência em todo este processo e uma participação pública efetiva nas tomadas de decisão assim como a salvaguarda do bem-estar dos Marienses em primeiro lugar e do equilíbrio dos ecossistemas e das espécies da ilha.

Fonte : PE Verdes
Música variada ... para retribuir a sua companhia    Asas do Atlântico   .... a sua rádio !
Playlist Asas

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Santamariaazores
© Clube Asas do Atlântico - 2015
Todos os direitos reservados

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player