Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Início | Clube | Rádio | Informação | Rally | Contatos
Região e República assinam acordos que potenciam captação de investimento e promoção dos Açores à escala global
INSERIDO EM 2018/11/13

O Vice-Presidente do Governo afirmou, em Ponta Delgada, que a captação de investimento externo, até agora desenvolvida essencialmente “com o esforço do Governo dos Açores”, vai ser potenciada à "escala global” em consequência dos protocolos de colaboração hoje assinados entre a Região e o Governo da Rep&

“A parceria hoje criada e o desenvolvimento destes acordos darão um enorme potencial de crescimento à promoção dos Açores no exterior e, consequentemente, aos resultados dessa promoção”, que “são extremamente satisfatórios”, afirmou Sérgio Ávila.

 

O Vice-Presidente, que falava na cerimónia de assinatura de dois protocolos de colaboração e da apresentação nacional da plataforma Portugal Site Selection, em que participou o Secretário de Estado da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias, salientou que se verificou um crescimento de 10% das exportações nos Açores em 2017.

 

“O facto de, no último ano, as exportações terem crescido 10%, ou seja, para fora do território nacional, é um dado que demonstra bem a dinâmica e a nossa capacidade de penetração em novos mercados e a nossa capacidade de crescimento em termos de produção de riqueza e de produção de rendimento”, frisou Sérgio Ávila.

 

O Vice-Presidente salientou, a propósito, que, em termos de captação de investimento externo, além dos projetos já concretizados e a concretizar, a Região tem neste momento 40 intenções de investimento em que está a trabalhar, no valor de 130 milhões de euros.

 

Por outro lado, no âmbito das candidaturas apresentadas ao sistema de incentivos Competir+, revelou que já foram ultrapassados 1.000 projetos de investimento privado, que representam 440 milhões de euros de novos investimentos na Região e a criação direta de 2.150 novos postos de trabalho.

 

Para o titular da pasta da Competitividade Empresarial, estes números são “um sinal de confiança” por parte dos investidores e das empresas na economia regional, considerando que a "principal razão” deste sucesso e dos "resultados alcançados” é dos empresários e das empresas.

 

Sérgio Ávila acrescentou que o acesso aos canais de promoção à escala global da AICEP e do Governo da República vai “permitir alavancar ainda mais estes dados e crescer muito mais”.

 

“O crescimento da economia açoriana, o crescimento do emprego na Região far-se-á e está a fazer-se, essencialmente, pelo enorme crescimento do investimento privado, quer com recursos regionais, quer potenciando a captação de recursos exteriores”, sublinhou Sérgio Ávila, salientando também o “enorme esforço de valorização”, através de “uma imagem externa associada a um conceito de certificação pela natureza”, o sucesso da Marca Açores e as vantagens competitivas do arquipélago na captação de investimento.

 

“Os Açores têm, além de um sistema fiscal claramente competitivo – só a título de exemplo, a carga fiscal nos Açores representa 16% do nosso PIB enquanto na média europeia representa 39% -, um sistema de incentivos ao investimento dos mais abrangentes e dos mais generosos que é possível existir no âmbito da União Europeia”, assim como uma localização geostratégica privilegiada, realçou Sérgio Ávila.

 

O governante afirmou ainda que os protocolos de colaboração hoje assinados “concretizam o desenvolvimento de uma parceria entre o Governo dos Açores e o Governo da República no âmbito da promoção externa da Região, da captação de investimento e da valorização dos recursos que era já uma reivindicação muito antiga da Região”.

 

Os dois protocolos foram assinados entre a SDEA – Sociedade para o Desenvolvimento Empresarial dos Açores e a AICEP Global Parques - Gestão de Áreas Empresariais e Serviços e a AICEP Portugal Global.

 

Os dois acordos permitirão às empresas açorianas o acesso a um conjunto de ferramentas destinado à promoção da internacionalização e exportações, mas também a disponibilização de informações destinadas a promover o investimento externo na Região.

 

Quanto à nova plataforma digital criada pelo Governo da República, denominada Portugal Site Selection, é uma ferramenta de angariação de investimento nacional e internacional em logística e indústria e, brevemente, também em serviços, pela inclusão da oferta de 'office space'.

Fonte : Gacs
Música variada ... para retribuir a sua companhia    Asas do Atlântico   .... a sua rádio !
Playlist Asas

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Santamariaazores
© Clube Asas do Atlântico - 2015
Todos os direitos reservados

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player