Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Início | Clube | Rádio | Informação | Rally | Contatos
Proposta do Governo dos Açores para alteração da Lei de Bases do Ordenamento do Espaço Marítimo Nacional
INSERIDO EM 2019/01/17

O Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia reiterou esta quarta feira  na Horta, que o Governo dos Açores “pugna para que as competências da Região sejam reconhecidas” na Lei de Bases de Ordenamento e Gestão do Espaço Marítimo Nacional.

Gui Menezes falava na Assembleia Legislativa durante o debate da anteproposta de lei para a alteração daquela lei de bases, iniciativa que foi aprovada.

 

O Secretário Regional salientou que o documento apresentado pelo Executivo pretende que “sejam salvaguardados os poderes da Região em matéria de gestão, planeamento, preservação e exploração dos recursos endógenos do território marítimo”.

 

Gui Menezes defendeu que o documento visa “a gestão partilhada de competências entre a administração central e as regiões autónomas quanto ao planeamento dos usos e licenciamento das zonas marítimas sob jurisdição nacional adjacentes aos arquipélagos dos Açores e da Madeira".

 

Neste sentido, destacou a criação de novas alíneas, no artigo 3 da lei em vigor, aprovada em 2014, nomeadamente a gestão conjunta, nos casos de domínio público marítimo inseridos nas águas interiores e mar territorial que pertençam ao território regional, e a gestão partilhada, quando esteja em causa o espaço marítimo sob soberania ou jurisdição nacional adjacente aos arquipélagos, exercida entre o Governo dos Açores e Governo da República, salvo quando estiver em causa a integridade e soberania do Estado.

 

De entre as várias alterações apresentadas ao diploma atual, o Secretário Regional destacou “a introdução de um novo artigo que prevê que o sistema de ordenamento do espaço marítimo nos Açores e na Madeira seja definido através de um decreto legislativo regional próprio, que irá regular a elaboração, aprovação, articulação e compatibilização, cooperação e coordenação, alteração, revisão e suspensão dos instrumentos de ordenamento do espaço marítimo, bem como o respetivo regime económico e financeiro”.

 

Na sua intervenção, Gui Menezes afirmou que “a autonomia é um instrumento de desenvolvimento” e que, por isso, as alterações apresentadas pelo Governo dos Açores “não são, nem poderiam ser contra ninguém”, mas sim “a favor do desenvolvimento dos Açores e, assim, a favor de Portugal”.

 

"O património científico e de conhecimento único existente no arquipélago, e que se desenvolveu e solidificou ao longo de muitos anos é, também ele, um fator de base relevante que nos capacita para termos um papel determinante para a gestão mais informada e mais eficiente do Mar dos Açores”, frisou. 

 

“Dispomos de uma rica diversidade de ecossistemas marinhos e recursos genéticos, que ocorrem tanto no mar profundo, como nas zonas costeiras”, disse, sublinhando, neste sentido, que os Açores têm “o dever e a responsabilidade de defender os interesses da Região relativamente a estas e outras matérias”.

 

Durante o debate, Gui Menezes sublinhou que “o que está em causa vai para além das questões relacionados com o mar profundo”.

 

Relativamente às críticas do Bloco de Esquerda à proposta de lei apresentada pelo Governo dos Açores por, alegadamente, “omitir questões relacionadas com a defesa do ambiente e dos ecossistemas marinhos”, o Secretário Regional assegurou que “essas preocupações estão também salvaguardadas e defendidas no artigo 3 da lei atual”.

Fonte : Gacs
Programa matinal com muita música portuguesa (principalmente açoriana). Informação local, entrevistas, reportagens e passatempos ...  De segunda a sexta-feira das 8h00 ás 11h00 … disfrute da nossa companhia e faça  amigos no Bom dia Açores !
Bom Dia Açores

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Santamariaazores
© Clube Asas do Atlântico - 2015
Todos os direitos reservados

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player