Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Início | Clube | Rádio | Informação | Rally | Contatos
PS/Açores diz que líder do PSD regional desconhece operação da SATA interilhas
INSERIDO EM 2019/09/20

O vice-presidente do grupo parlamentar do PS/Açores considerou hoje que as recentes declarações do líder do PSD/Açores sobre a operação da SATA para as ilhas mais pequenas revelam “profundo desconhecimento”. 

José Ávila, citado em nota de imprensa, lamenta as recentes declarações do social-democrata Alexandre Gaudêncio, considerando que “ignoram o contributo que a SATA tem dado para o crescimento do turismo e para a mobilidade dos açorianos, em todas as ilhas”.

O presidente da estrutura regional disse na quinta-feira que a “falta de rumo” do Governo Regional (PS) na gestão do grupo SATA faz com que as ilhas mais pequenas sejam as “grandes prejudicadas”, por ausência de alternativa de transporte aéreo.

O deputado socialista afirma que “não tinha custado muito àquele líder partidário ter dado mais atenção às estatísticas, publicadas pelo serviço regional, para não dar tiros nos pés”.

Segundo o dirigente da bancada socialista, de 2012 a 2018 assistiu-se a um “incremento nos voos interilhas na ordem dos 20%”, tendo o total de passageiros desembarcados, dos voos interilhas e territoriais, sofrido um acréscimo de 90%”.

“Apesar de nem todas as ilhas terem registado os mesmos aumentos, há crescimentos em todas. Como, por exemplo, o Pico, que cresceu acima dos 100%”, declara o parlamentar.

Esses aumentos, sublinha, refletiram-se nas dormidas de todas tipologias de alojamento em todas as ilhas.

De acordo com José Ávila, as ilhas do Pico, Corvo e São Jorge “cresceram acima dos 100%, nestes sete anos”, tendo mesmo no caso da última ilha sido registado um crescimento de cerca de 170%.

O deputado refere que entre 2017 e 2018 “há também crescimentos de dormidas, em todos os tipos de alojamento, nas ilhas referidas ditas mais pequenas, como foi o caso do Pico, com mais 25%”.

No Corvo o crescimento de dormidas foi de 14%, em São Jorge 11%, Graciosa e Flores 6%, sendo que Santa Maria “foi a única que não registou um aumento nesse ano” , podendo-se “inferir que o líder do PSD/Açores não tem razão”, destaca o PS.

O membro da direção da bancada socialista considera que os números mostram que a SATA “tem feito um esforço muito grande para adequar a sua oferta à procura, que tem vindo a crescer, ano após ano”.

Fonte : Açoriano Oriental
Música variada ... para retribuir a sua companhia    Asas do Atlântico   .... a sua rádio !
Playlist Asas

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Santamariaazores
© Clube Asas do Atlântico - 2015
Todos os direitos reservados

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player